Factores de risco cardiovascular na infância de doença com expressão clínica na idade adulta

Authors

  • António Guerra

DOI:

https://doi.org/10.25754/pjp.2008.4543

Abstract

Resumo: Existe já evidência científica associando o estado de nutrição ao nascer a um conjunto de patologias expressando-se ao longo da vida, em idades variáveis, como é o caso da obesidade, da hipertensão, de dislipidemias e da diabetes de tipo II. O reconhecimento da ocorrência de lesões vasculares muito precoces sublinha a necessidade de uma intervenção preventiva logo desde a vida fetal e primeira infância. Embora se tenham registado evoluções importantes no conhecimento dos mecanismos etiopatogénicos que explicam quer a programação fetal de doenças do adulto, quer a origem pediátrica da patologia aterosclerótica, não existe um consenso alargado sobre o tema nas suas múltiplas vertentes, havendo ainda muitos mecanismos fisiopatológicos por esclarecer. A evolução da genética molecular nos últimos anos tem permitido um avanço notável no conhecimento da etiopatogenia e progressão destas patologias. Tendo em conta a impossibilidade de, num breve artigo de revisão, abordar todos os aspectos genéticos, ambientais e bioquímicos envolvidos, optámos pela selecção das áreas que consideramos mais relevantes, sem a pretensão de esgotar um tema de uma enorme dimensão e complexidade.

Downloads

Download data is not yet available.

Issue

Section

Review articles

Most read articles by the same author(s)

<< < 1 2 3 > >>